Observatório Social de Birigui

Últimos Artigos
recent

Um tapa na nossa cara


Gilberto Dimenstein - Um Asno
Confesso que era viciado nos textos dele nos tempos em que era assinante da Folha de São Paulo, dele e do Carlos Heitor Cony. Com tanta leitura, fica difícil escolher quem apresenta a melhor ótica sobre a fotografia atual do nosso estado democrático. Desta vez, vou com ele... Dimenstein!

Por Gilberto Dimenstein:
O desaquecimento da economia provoca redução na arrecadação de impostos e, com isso, afeta as contas do governo, gerando a necessidade de cortes de gastos. Nada disso impede um movimento no Congresso para acabar com o teto aos salários de funcionários públicos, apoiado pelas corporações sindicais. É, em suma, um tapa na cara dos contribuintes.
O brasileiro já trabalha mais de quatro meses por ano apenas para pagar impostos --e recebe em troca um serviço sofrível. Os gastos com o funcionalismo tiveram uma forte expansão nos últimos anos, inchando ainda mais a máquina administrativa. Foi uma festa na gestão Lula. Dezenas de bilhões são gastos apenas para cobrir os rombos deixados pela aposentadoria dos funcionários públicos, muito maior do que a dos aposentados normais.
Por trás desse tapa na cara, há uma questão educacional. O brasileiro, em geral, não acompanha questões orçamentárias. Nem entende os mecanismos de pressão nos cofres públicos. Ganha quem é mais organizado.
*
Estudos de orçamento público deveriam ser obrigatórios no currículo escolar.

Minha Vez...
Alexandre Garcia também fez um comentário muito coerente sobre a proposta hoje. Em um país onde professores, médicos, policiais e pesquisadores são menos valorizados do que vereadores (e esse é meu ponto de vista), onde o contribuinte está mais entusiasmado em empunhar uma bandeira de um partido político do que com a canalhice que se faz com seu dinheiro, mais do que nunca, atuais se fazem as palavras de Rui BarbosaDe tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto.

Nenhum comentário:

1 - Qualquer pessoa pode comentar no Blog “Um Asno”, desde que identifique-se com nome e e-mail.
a) Em hipótese alguma serão aceitos comentários anônimos.
b) Não me oponho quanto à reprodução do conteúdo, mas, por uma questão de responsabilidade quanto ao que escrevo, faço questão que a fonte seja citada.

2— Não serão aceitos no Blog “Um Asno” os comentários que:
1. Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
2. Forem escritos em caixa alta (letras maiúsculas);
3. Estejam repetidos na mesma ou em notas diferentes;
4. Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
5. Reproduzam na íntegra notícias divulgadas em outros meios de comunicação;
6. Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
7. Contenham links de qualquer espécie fora do contexto do artigo comentado;
8. Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.

Tecnologia do Blogger.