Rádio Na Pior

Últimos Artigos
recent

Diário de Viagem: De Birigui a Palmas de carro - Parte 02

Palácio do Araguaia em Palmas - Um Asno
Palácio do Araguaia em Palmas-TO
Palmas é uma cidade genial! Tem alguns pequenos defeitos, mas é muito linda. É, não é exagero repetir, uma capital lindíssima. O que Palmas tem de linda, tem de quente. O problema é que Palmas é muito linda! No meu primeiro dia de exploração enfrentei 36° logo nas primeiras horas do dia, embora a sensação térmica à sombra parecia estar na casa dos 43°. Foram seis banhos com água fria ao todo no mesmo dia. Água fria é uma maneira de dizer porque não é assim que ela sai dos canos. Afirmei que existem pequenos defeitos, ora, mas estes são quase que irrelevantes já que a administração local os enfrenta. Por exemplo, há estacionamentos suficientes espalhados por toda a metrópole e, embora também existam espertalhões que insistam em ganhar dinheiro alugando esses espaços, há uma forte fiscalização sobre eles. Há também muios terrenos ainda sem edificações que pertencem, em sua maioria, a pessoas que vivem fora da capital. Contudo, para isso também existe a iniciativa da administração local no sentido de obrigá-los a apresentarem projeto com certa urgência sob pena de pesadas sansões pecuniárias.

Porém, um problema parece não ter a atenção merecida. As faixas para pedestres são insuficientes e localizadas em pontos raramente utilizados por seus devidos usuários. Quase sempre se assiste as corridas arriscadas dos pedestres em cruzamentos e próximos as rótulas. Já me encontrei com três pessoas que sofreram acidentes enquanto tentavam atravessar nesses pontos. Todos deixaram suas marcas e péssimas recordações. Outra grande e constante batalha enfrentada pela administração local são os volumosos focos para a proliferação do Aedes Aegypti, sobretudo em espaços que recebem os cuidados dos serviços públicos. Optei por trocar de hotel porque a primeira opção não me oferecia internet para meus contatos e o banheiro era compartilhado. As instalações também deixavam a desejar e isso me levou a um hotel mais equipado dentre os mais econômicos da cidade. A localização e as instalações são muito superiores, mesmo estando na faixa dos mais baratos. Meu primeiro dia foi apenas de exploração mesmo e eu não poderia ter escolhido melhor lugar para me hospedar. Estou bem perto do Palácio do Araguaia, a sede do governo do estado, bem como de quase todos os edifícios públicos locais. Daqui também é fácil acessar a Praia da Graciosa e o Parque Cesamar. Há muita movimentação cultural e eventos sociais na cidade embora meu tempo não me permita experimentá-los. Trouxe quatro livros para ler a noite durante minha estadia, mas não consegui abrir nenhum deles.

Outro problema que identifiquei é  número de animais abandonados vagando pelas avenidas de Palmas. Isso me levou a conhecer meu inseparável companheiro das horas tardias e da madrugada. Um cachorro, cujo cruzamento mais provável teria sido entre uma basset e um bulldog. Como seu estado de saúde não é dos mais invejáveis apelidei-o de "Jamorreu" porque está sempre parecendo dar o último suspiro. Só tenho utilizado o carro para me locomover a zona sul da cidade e para explorar cidades próximas como Araguaína e Gurupi. Esta foi uma semana agitada e cheia de contatos, encontros, relatórios e propostas. Sempre reservo uma hora antes de dormir para providenciar o material que me é solicitado pelos meus anfitriões. Nestes momentos apenas a companhia do Jamorreu me distrai um pouco. Estar longe de casa, mesmo em lugar tão lindo, tem suas implicações em nosso ânimo.

Em frente ao Hotel há um restaurante que promove shows ao vivo de terça a sábado e isso me confere alguns momentos de descontração junto ao meu companheiro Jamorreu sentados à entrada do hotel. Na terça o show foi com as músicas locais e o tal de forró pé de serra. Nem saí do hotel. Na quarta o cantor interpretou peças da MPB e um pouco do rock da década de 1980. Eu e o Jamorreu vibramos. Ontem o artista que se apresentou cantava Belchior, Zé Ramalho, Fred Mercury e até Jim Morrison. Foi interessante vê-lo cantar Táxi Lunar imitando perfeitamente as vozes de Zé Geraldo e Zé Ramalho alternadamente. Começo a tomar simpatia por essa cidade.

Esta joia do Norte foi fundada em 20 de maio de 1989, logo após a criação do estado do Tocantins pela Constituição de 1988. Os arquitetos Luís Fernando Cruvinel Teixeira e Walfredo Antunes de Oliveira Filho são os criadores dessa obra de arte que repousa sob a sombra do Paredão que conduz ao Jalapão. Sua população é formada por pessoas de todo o Brasil e ainda atrai o interesse de muitos outros que por aqui passam. Essa jovem cidade tinha pouco menos de 25 mil habitantes em 1990, quando se tornou a capital substituindo a vizinha Miracema e hoje já se aproxima dos 300 mil. O potencial de negócios é incalculável e a qualidade de vida do município é a segunda melhor entre as capitais da região norte.

Nestes dias, vi protestos dos policiais federais, dos índios e dos servidores que passaram em concurso e ainda não foram contratados. Minha amostra do clima em Palmas também pode não refletir toda a realidade da região, pois dos quatro dias desde que me instalei, dois foram integralmente úmidos, embora não deixassem de ser quentes! Quando chove aqui, parece que se leva muito à sério a ideia de molhar! Não deixa de ser uma experiência marcante e um objetivo feliz para aqueles que desejam conhecer um lugar com todos os atrativos de uma capital, mas que conserve uma beleza provinciana. Já começo a pensar na volta e nos problemas com as estradas. Vou sentir saudade do Jamorreu..

Continuo...

Nenhum comentário:

1 - Qualquer pessoa pode comentar no Blog “Um Asno”, desde que identifique-se com nome e e-mail.
a) Em hipótese alguma serão aceitos comentários anônimos.
b) Não me oponho quanto à reprodução do conteúdo, mas, por uma questão de responsabilidade quanto ao que escrevo, faço questão que a fonte seja citada.

2— Não serão aceitos no Blog “Um Asno” os comentários que:
1. Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
2. Forem escritos em caixa alta (letras maiúsculas);
3. Estejam repetidos na mesma ou em notas diferentes;
4. Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
5. Reproduzam na íntegra notícias divulgadas em outros meios de comunicação;
6. Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
7. Contenham links de qualquer espécie fora do contexto do artigo comentado;
8. Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.

Tecnologia do Blogger.