Observatório Social de Birigui

Últimos Artigos
recent

Leitora Furiosa! Ainda sobre o deputado Bolsonaro...

Jair Bolsonaro - Um Asno
Minino...! Tem horas que isso aqui fica divertido! Recebi um e-mail não muito cordial de uma senhora do Rio Grande do Sul que afirmou ser minha leitora desde que o blog foi ao ar em março de 2012. No caso ela se irritou com meu último texto (aqui) no qual eu teria saído em defesa do deputado Jair Bolsonaro e me lançado contra sobre sua vítima, uma mulher! Também no e-mail ela manifestou-se contra o fato desse blogueiro "ter se aproveitado do episódio para fazer paralelo crítico ao Lula, coisa que não tem nada a ver". Em sua opinião eu aproveitei do evento para atacar o Lula gratuitamente. Essa gentil senhora elogiou vários textos que eu havia colocado no blog, mesmo discordando de alguns, mas terminou declarando que não mais perderia seu tempo lendo meus registros (!!!). Mané do céu!! A maior virtude de um regime democrático está, justamente, na condição de que as pessoas não precisam concordar umas com as outras! Bom... Como diria Jack, o Estripador (não estuprador!), "vamos por partes!".

Eu agradeço de coração por ter pessoas que emprestam um pouco do seu tempo para ler e até discutir sobre o que eu escrevo. Mas, nunca tive pretensão alguma de fazer disso uma carreira, sobretudo, para influenciar quem quer que seja! Tem gente muito bem remunerada para influenciar a opinião das outras pessoas e a elas eu deixo essa função. Por minha própria natureza, sou combativo e adoro o debate e é por isso que não tenho muitos amigos (quase nenhum!), mas não fiquem tristes! Me acompanham apenas aqueles que merecem toda minha dedicação. Em meu modo de vista (valeu Bambam), Bolsonaro tropeçou na língua justamente por ser performático e debatedor entusiasta. Falou abobrinha, não há dúvidas e por isso merece reprovação! Mas... E quanto a Maria do Rosário que o chamou de estuprador?? Trata-se de dois mal-educados que precisam (ambos) ser reprovados. Naquela ocasião ele devolveu: "Vagabunda"! Zero a zero! Entretanto, não... Querem levar isso para outra esfera e, aí sim, lucrando ideológica e politicamente.

O Conselho Nacional de Direitos Humanos (CNDH) entrou com uma representação contra Bolsonaro na Procuradoria Geral da República (PGR). O pedido é para abertura de processo criminal e cível contra o parlamentar. A ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Ideli Salvatti, afirmou: “A representação é muito clara, o conselho tem a convicção que foi cometido um crime de incitação à violência, de apologia a um crime considerado hediondo”. Barbaridade! Quando foi que isso aconteceu??? Certamente não naquele discurso onde o deputado repetiu aquela frase infeliz! Para a vice-procuradora-geral da República, Ela Wieko, "Elas (as palavras de Bolsonaro) têm uma força de incitação ao crime, ao estupro”. Como assim?? Então os pervertidos agora encontraram uma justificativa para estuprar já o que o deputado Bolsonaro afirmou que não estupraria Maria do Rosário (PT-RS) por que ela "é muito feia", segundo sua entrevista ao jornal Zero Hora!! É claro que a frase é um desastre de proporções homéricas, mas não há nelas a incitação a crime nenhum. parecendo o episódio com a jornalista Rachel Sheherazade, cujo texto que redigi em sua defesa (aqui) também me rendeu muita porrada!

Bolsonaro não é um modelo de candura, mas poucas vezes o vi tão embrulhado por ter ofendido a uma pessoa. É óbvio que se há uma ofensa, agressão e violência contra alguém, existe uma causa e, muitas vezes, trata-se de uma agressão original. Não afirmo que isso justifique uma reação, ao menos para quem tem um pouco de magnanimidade, mas que existe causa, existe. Maria do Rosário também não é das pessoas mais cândidas que existe na fauna política. É combativa, explosiva e também fala pelos cotovelos na maioria das vezes. Em algumas ocasiões isso é virtude nela, mas em outras só a torna irritante mesmo. E isso nada tem de anormal em um regime democrático! O Congresso precisa tanto de bolsonaros quanto de rosários! Só precisam mesmo é moderar seus ânimos viscerais quando abrem a boca. Nós, aqui excluídos do Olimpo parlamentar, preferimos ver o tempo de nossos representantes aplicado às nossas demandas reais e não a coprologias que nos lembram as rinhas entre meretrizes de rodoviária.

Agora... Vamos tratar da minha "parcialidade" ao incluir o divino Lula em minha crítica anterior. Antes, só um comentário sobre o que certos formadores de opinião afirmam sobre a democracia. Voney Malta em sua coluna no site Brasil247 escreveu o seguinte: "O deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) é uma daquelas figuras do meio político brasileiro que levam o parlamento para a lama. Intolerante, desrespeitoso e agressivo, não tolera o direito ao contraditório, ao pensamento divergente e a opinião, inclusive dos seus pares". Oi??? É só Bolsonaro que tem todas essas qualidades destacadas no parágrafo de Malta? Logo mais abaixo em seu texto ele se revela: "Jair Bolsonaro é o conservadorismo de extrema direita". Ah, claro! Democracia é um regime que só aceita mesmo aos progressistas da esquerda! Que merda é essa? Há virtudes na direita política que jamais deveriam ter sido afastadas da formação do indivíduo, tanto quanto há virtudes na esquerda política que muito poderiam acrescentar lapidando as primeiras.

Eduardo Guimarães, também no site Brasil247, saiu em defesa de outra mulher, supostamente agredida por Bolsonaro, Dilma Rousseff... As palavras a seguir são de Bolsonaro: “(…) A Maria do Rosário saiu daqui agora correndo. Por que não falou da sua chefe, Dilma Rousseff, cujo primeiro marido sequestrou um avião e foi para Cuba, participou da execução do major alemão? O segundo marido confessou publicamente que expropriava bancos, roubava bancos, pegava armas em quarteis e assaltava caminhões de carga na Baixada Fluminense. Por que não fala isso? (…)”. E também disse: “(…) Dilma Rousseff, deve estar envergonhada, sim, Vossa Excelência, por ter roubado, só, dois milhões e meio de dólares da casa do Ademar. Agora, são bilhões da Petrobrás. Presidente do Conselho de Administração, ministra das Minas e Energia, chefe da Casa Civil, Presidente da República, não sabe de nada… Quantas dezenas de milhares de pessoas morrem por esse dinheiro desviado para o seu partido, para a sua casa (…) Esteve agora na Unasul reunida com a escória da América Latina tratando, entre outras coisas, da abertura do espaço aéreo para os países aqui da Unasul… Cuba não faz parte mais; tá no bolo. Além do tráfico de drogas e o tráfico de armas e munições… Já tem onze mil cubanos aqui (…)”

Beleza... Guimarães usou seu texto convergindo para outra direção. A vítima maior de Bolsonaro (o violador de fêmeas) é, também uma mulher, Dilma Rousseff. Mas, a beleza, afinal, se encontra em suas palavras finais do texto: "Enfim, a parte publicável da catilinária do agressor de mulheres emula o que diz, por exemplo, Aécio Neves. A tese de que Dilma “deve se envergonhar” foi usada à exaustão pelo tucano ao longo da recente campanha eleitoral. Se fosse dito que a fala acima sobre corrupção na Petrobrás partiu do senador pelo PSDB mineiro, ninguém duvidaria. A oposição encontra seu símbolo nesse monumento à covardia". Garai!! Isso sim é colocar na conversa quem nem estava próximo! Não cabe a mim defender político algum, até por que nenhum deles paga minhas contas (é bem ao contrário). Não compro briga de políticos, jogadores de futebol e padres! Mas, discuto ideias e o caso de Bolsonaro está sofrendo um "desvio de função"! Não é a cagada dele que está sendo posta em debate e, sim, de novo!, o comportamento de uma tal zelitebranca reacionária representada por uma direita ortodoxa (!!!) que tem como expoente... o Bolsonaro! Cara, é um caroço difícil de engolir, mas intelectual (o verdadeiro perigo da sociedade) tem as manhas de como camuflar discursos e esfumaçar até a lógica.

Conheço poucos homens que são capazes de reconhecer onde somos inferiores às mulheres. Não é de hoje que as defendo, inclusive de si mesmas! Porém, não se pode medir o comprimento com uma balança. Se há uma coisa que Maria do Rosário não o seja, que fique claro! é vítima de Bolsonaro! Minha querida ex-leitora... Lamento que não tenha gostado de minha opinião... Aliás! Lamento nada! Na pior das hipóteses a senhora poderia, entre os apelidos engraçados que me presenteou, incluir alguma argumentação que pudesse me fazer mudar a opinião sobre o que escrevi. Não é pedir demais! Sou portador (parece doença!) de uma virtude que parece ausente em muitas pessoas: sou capaz de me curvar ao argumento superior. É minha característica recuar diante da razão de quem divirjo e exaltar sua opinião, quando vencido. Porém, não é esse o caminho que escolhem aqueles que discordam dos meus registros... Isso fere a democracia e não o ato de falar bobagem! Bobagens podem ser repudiadas e combatidas, desprezo pela opinião divergente não. Paciência! Continuo como o cavalo do Figueiredo...

Nenhum comentário:

1 - Qualquer pessoa pode comentar no Blog “Um Asno”, desde que identifique-se com nome e e-mail.
a) Em hipótese alguma serão aceitos comentários anônimos.
b) Não me oponho quanto à reprodução do conteúdo, mas, por uma questão de responsabilidade quanto ao que escrevo, faço questão que a fonte seja citada.

2— Não serão aceitos no Blog “Um Asno” os comentários que:
1. Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
2. Forem escritos em caixa alta (letras maiúsculas);
3. Estejam repetidos na mesma ou em notas diferentes;
4. Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
5. Reproduzam na íntegra notícias divulgadas em outros meios de comunicação;
6. Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
7. Contenham links de qualquer espécie fora do contexto do artigo comentado;
8. Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.

Tecnologia do Blogger.