Rádio Na Pior

Últimos Artigos
recent

Nova Liminar reconduz Bernabé ao Executivo de Birigui

Pedro Bernabé - Um Asno
Pedro Bernabé (PDT), pode retornar a cadeira do executivo biriguiense a qualquer momento. Em decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), na noite desta quinta-feira (19), o prefeito eleito e cassado teve seu retorno determinado até que o mérito de seu recurso, contra a cassação por compra de votos nas eleições de 2012, seja julgado, afinal.  Nem chegou a surtir efeito a recente confusão causada pelo afastamento imposto pela Câmara ao prefeito interino Paulo Roberto Bearare. Aliás, um circo de horrores da pior estatura. Falou-se até em golpe, uma palavra que vem sendo empregada ao excesso nos últimos anos. A briga entre os vereadores volta, enfim, para o aprisco onde principiou: a Casa Legislativa. Mais uma cena dantesca para a memória desta cidade, reflexo da imaturidade política de seus eleitores e, por consequência, de seus representantes. Vai continuar a baixaria por mais algum tempo...

Nenhum comentário:

1 - Qualquer pessoa pode comentar no Blog “Um Asno”, desde que identifique-se com nome e e-mail.
a) Em hipótese alguma serão aceitos comentários anônimos.
b) Não me oponho quanto à reprodução do conteúdo, mas, por uma questão de responsabilidade quanto ao que escrevo, faço questão que a fonte seja citada.

2— Não serão aceitos no Blog “Um Asno” os comentários que:
1. Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
2. Forem escritos em caixa alta (letras maiúsculas);
3. Estejam repetidos na mesma ou em notas diferentes;
4. Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
5. Reproduzam na íntegra notícias divulgadas em outros meios de comunicação;
6. Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
7. Contenham links de qualquer espécie fora do contexto do artigo comentado;
8. Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.

Tecnologia do Blogger.